A HORA É AGORA – OPORTUNIDADE DE CRESCIMENTO COM HP INDIGO

A Comprint

Categoria: | 11 de março de 2021

Diante da pandemia da Covid-19 que afetou mundialmente o ano de 2020, as tendências digitais se desenvolveram rapidamente e provaram que agilidade e lançamentos no mercado são elementos-chave para um negócio de sucesso.
Em um setor que já vinha se transformando, a crise ofereceu uma oportunidade clara para que as empresas tradicionais do setor de etiquetas repensem modelos de trabalho e reiniciem sua abordagem de negócios.

 

PERCEPÇÃO DE CUSTO, EFICIÊNCIA E LUCRO

As empresas que competem no formato tradicional, sem aplicar tecnologia e estratégias digitais, têm visto taxas de crescimento de receita e ganhos mais baixos do que aquelas que adotaram o digital como base de negócio. Por isso, é fundamental perceber que, impulsionadas pelas tendências de consumo, as demandas das marcas mudaram e as empresas precisam agir em conformidade com este novo cenário.

Marcas e gráficas precisam de mais eficiência operacional e, com a tecnologia de hoje, há muito espaço para crescimento. De 2016 a 2020, as etiquetas impressas digitalmente tiveram uma taxa de crescimento anual de 18%, criando oportunidade de US$ 3,31 bilhões em rentabilidade.

Muitas gráficas no mundo dos negócios, hoje, hesitam em dar o salto para o digital devido ao custo inicial. No entanto, de acordo com especialistas do setor, embora o digital seja visto como caro, na realidade o lucro por funcionário pode ser até duas vezes maior do que o analógico.

Infelizmente, é comum não se ter uma compreensão clara de seu real custo de produção, resultando em estimativas superestimadas. As gráficas convencionais podem ter uma mentalidade de “tudo ou nada” na sua forma de trabalhar. Esse pensamento é comum quando todo o processo precisa ser executado em um único ativo. Enquanto isso, muitas gráficas obtêm eficiência significativa de produção e economia de custos usando equipamentos digitais para uma parte dos trabalhos.

Ter medo de assumir riscos ou justificar o custo da digitalização pode fazer com que muitos operadores tradicionais sejam deixados para trás, à medida que o resto do setor avança.

Quando se trata de tornar-se digital, dizer sim pode parecer caro no início, mas certamente será mais rentável a longo prazo, especialmente porque as tendências estão convergindo para esse modelo. Portanto, a verdadeira discussão é: as gráficas podem se dar ao luxo de não entrar na era digital?

Em um mundo onde os clientes exigem soluções bem elaboradas, somente a tecnologia HP Indigo oferece a agilidade para atender as necessidades de todos os tipos de trabalhos de impressão.

FALE COM UM ESPECIALISTA DA COMPRINT E APROVEITE ESTE MOMENTO PARA GARANTIR O LUGAR DA SUA GRÁFICA NO AMANHÃ.