ISO 12647: padronize seus processos e obtenha mais competitividade

A ISO (Organização Internacional para Padronização, em português) é a entidade responsável pela aprovação de normas internacionais em todos os campos técnicos, como a ISO 12647, desenvolvida para o mercado gráfico.

No Brasil, a ISO é representada pela entidade ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas).

Trataremos aqui sobre a ISO 12647, que tem como objetivo padronizar critérios e assegurar que a qualidade das cores de impressão de material gráfico entre diferentes provas tenham o mesmo padrão em qualquer lugar do mundo.

 

Impressão digital e a ISO 12647

Desde a introdução das primeiras impressoras digitais em cores do mundo lançadas pela Indigo e Xeikon em 1993, a indústria de impressão digital mudou maciçamente. Talvez a maior dessas mudanças esteja no fato de que as impressoras digitais tornaram-se mais do que capazes de igualar a qualidade de impressão offset.

O que torna isso possível são os avanços em processos de imagens, impressão e corantes, tornando essas preocupações coisas do passado. Por consequência da qualidade comprovada, a indústria adotou também a impressão digital como forma de atender às maiores exigências do mercado.

O dinamismo empregado aos diversos trabalhos de impressão exige das impressoras uma flexibilidade e poder de personalização que os equipamentos tradicionais não podem atender. Por outro lado, as impressoras digitais foram desenvolvidas para atuarem nesse segmento, com tiragens menores, menor desperdício de insumos e um poder de customização muito maior.

A certificação ISO 12647 surgiu como forma de ajudar na padronização dos trabalhos de impressão, seja ela offset, rotogravura, serigrafia, flexografia ou impressão digital.

Para produzir trabalhos utilizando diferentes sistemas de impressão, o controle de dados de processos de cor é absolutamente vital. Logo, a certificação ISO garante que uma produção seja idêntica entre os muitos métodos e os locais de impressão.

 

Padronização e Competitividade

É muito comum que projetos de impressão utilizem múltiplas impressoras para produzir o mesmo trabalho e suas etapas. Por esse motivo, é preciso garantir que todas as impressões tenham uma aparência de cor iguais. A ISO 12647 garante isso.

A ISO prevê a padronização de vários processos gráficos. No mercado de impressão comercial isso não é fácil, uma vez que as impressoras digitais competem lado a lado com impressoras offset convencionais, conhecidas pela excelente qualidade final de impressão.

Com a padronização da ISO 12647, o mercado torna-se mais competitivo e o mercado gráfico cada vez mais recorre ao ISO 12647. Assim, é possível entregar um resultado com as mesmas características e qualidades da convencional, mas com as vantagens da versatilidade e flexibilidade, Este é o caso das impressoras da linha HP Indigo, por exemplo.

 

Controle do processo de produção

O título geral da ISO 12647 é “Tecnologia Gráfica – controle do processo de produção de separação de cores em meio-tom, provas e impressão”, ou seja, uma padronização geral da qualidade de cor baseadas em cinco pré-requisitos:

  • O substrato
  • Corantes
  • Triagem
  • Aumento de valor de tom
  • Sequência da tinta

Seguindo estes padrões, as soluções digitais podem competir diretamente com as impressoras tradicionais.

A Comprint, empresa que representa as maiores marcas de impressoras digitais no Brasil, como a linha HP Indigo, 6900, 7900, 8000, 12000, 20000 e 30000 entre outras, dispõe das melhores soluções para o seu negócio.  

Postagens Relacionadas